Novidades do setor de energia

Explicação sobre a fonte de energia do gás natural

O que é a fonte de energia do gás natural? Entenda e conheça as vantagens e desvantagens

Considerando a necessidade mundial e brasileira de diversificar e otimizar a matriz energética, é importante conhecer a fonte de energia do gás natural, a qual está ganhando cada vez mais espaço nesse contexto.

Segundo dados da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), 22,8% da matriz energética mundial é composta por gás natural, ficando atrás apenas do petróleo e derivados (31,5%), e carvão mineral (26,9%).

Já a matriz energética brasileira é composta por 12,2% de gás natural. Na frente estão o petróleo e derivados (34,3%), derivados da cana-de-açúcar (18%) e hidráulica (12,4%).

Fonte: Empresa de Pesquisa Energética

Para você conhecer melhor sobre a fonte de energia do gás natural, aqui vamos te explicar todos os detalhes a respeito do assunto. 

Continue lendo.

O que é energia do gás natural?

A fonte de energia do gás natural é um combustível fóssil não renovável (um recurso finito) encontrado no subsolo, podendo estar ou não associado ao petróleo, ou seja, estar ou não dissolvido em óleo. 

O gás natural é composto por uma mistura de gases como metano, etano e propano, e pode ser obtido tanto em jazidas quanto por meio da queima do bagaço de cana-de-açúcar (biomassa); este último também é chamado de biogás e é um combustível renovável

No começo deste artigo, mostramos a participação do gás natural na matriz energética mundial e brasileira e vamos trazer dados sobre a matriz elétrica, mas antes, explicaremos a diferença entre matriz energética e matriz elétrica:

  • Matriz energética: conjunto de fontes de energia usadas para gerar eletricidade, movimentar carros, preparar comida, dentre outras finalidades
  • Matriz elétrica: conjunto de fontes disponíveis única e exclusivamente para geração de energia 

Ou seja, a matriz elétrica faz parte da matriz energética, mas o contrário não se aplica.

Saiba mais aqui sobre quais são os tipos de geração de energia e suas fontes.

Isto posto, vamos aos dados. O mesmo levantamento da EPE mostra que 23% da matriz elétrica mundial é composta por gás natural, estando em segundo lugar; em primeiro aparece o carvão mineral, com 38%. 

Já a matriz elétrica brasileira é composta por apenas 9,3% de gás natural. Porém, também está em segundo lugar, perdendo apenas para a hidráulica, com 64,9%.

Fonte: Empresa de Pesquisa Energética

Como o gás natural é encontrado?

O gás natural pode ser encontrado em campos terrestres (onshore) ou marítimos (offshore), que são as jazidas e depósitos subterrâneos (também chamados de bacias sedimentares). Por isso, comumente está relacionado ao petróleo, já que ambos se transformam a partir da decomposição de matéria orgânica (como plantas e animais mortos) por milhares de anos. 

Essa fonte tem um teor energético elevado, por isso, após passar por um processo de tratamento, é altamente aproveitado para a geração de energia nas indústrias. Também pode ser utilizado em residências (por exemplo, para aquecer a água e o ambiente), comércio (aquecimento) e automóveis (substituição aos combustíveis).

Vale explicar que o gás natural é enviado das fontes até os consumidores por meio de gasodutos — por exemplo, existe o gasoduto Bolívia – Brasil, que leva o recurso do produtor boliviano até os consumidores do Brasil.

Energia de gás natural: vantagens e desvantagens

Agora que você já conhece mais sobre a fonte de energia do gás natural, vamos mostrar suas vantagens e desvantagens. 

Vantagens do gás natural:

  • Fonte de energia segura: o gás natural tem menor risco de acidentes, já que dispersa rapidamente no ar caso ocorra algum vazamento e não é tóxico
  • Alto potencial energético: o gás natural gera muita energia e tem pouca perda energética no processo
  • Redução de custos: os custos de armazenamento são menores, pois não há a necessidade de estocar o recurso
  • Estabilidade para a matriz energética: o fornecimento de gás natural é contínuo por meio dos gasodutos

Desvantagens do gás natural: 

  • Fonte poluente: a fonte de energia do gás natural tem origem fóssil, então seu processo de combustão emite gases poluentes, como o dióxido de carbono, o que contribuiu para o efeito estufa, embora menos do que o petróleo e o carvão mineral — inclusive, isso não deixa de ser uma vantagem
  • Infraestrutura: o gás natural precisa de uma infraestrutura robusta para ser produzido
  • Dificuldade geográfica: existe uma concentração geográfica de jazidas, então não é possível extrair o gás natural em qualquer localização
  • Fonte de energia não renovável: se você tinha dúvida se o gás natural é energia renovável ou não renovável, agora sabe que este é um recurso finito

Uso da fonte de energia do gás natural no Brasil

No Brasil, o gás natural é amplamente utilizado nas usinas termelétricas, já que tem um teor energético elevado. Lembrando que a geração de energia nas termelétricas é um processo mais caro do que o das usinas hidrelétricas, já que são utilizados combustíveis fósseis no processo.

Por isso, quando os níveis dos reservatórios estão baixos, as usinas termelétricas são acionadas e, por consequência, a conta de luz fica mais cara, pois há a incidência das bandeiras tarifárias.

Entenda aqui o que são bandeiras tarifárias e como esse sistema funciona.

Além disso, o gás natural também é utilizado em carros que são adaptados para isso e substitui a gasolina e o álcool.

Outra forma de aproveitamento do gás natural é como matéria-prima para produzir fertilizantes e gerar energia em indústrias petroquímicas. Já nas residências e comércios, a fonte de energia do gás natural tem a finalidade tanto de aquecer o ambiente quanto a água.

Neste vídeo da Petrobrás você confere os detalhes sobre o ciclo do gás natural:

Vale destacar que o “gás de cozinha” é o gás liquefeito de petróleo (GLP), o qual é quimicamente distinto do gás natural.

No mundo, os maiores produtores de petróleo e gás natural são Rússia, Arábia Saudita, Estados Unidos e Iraque.

Deu para entender o que é a fonte de energia do gás natural?

A Esfera Energia é referência nacional em gestão de energia no Mercado Livre de Energia e atualmente gerencia 6% de toda a energia produzida no Brasil, atende 70 unidades geradoras e gere mais de 10 GW de potência.

Conheça nossas soluções para geradores de todos os tipos de fonte!

Saiba tudo sobre o Mercado Livre de Energia